EM TODO O LADO! SPORTING FOI À TURQUIA E SAIU CAMPEÃO: VARANDAS NÃO PODIA ESTAR MAIS FELIZ
Clube de Alvalade triunfou com mérito e mereceu reconhecimento internacional
Redação Leonino
Texto
1 de Abril 2024, 12:16
Frederico Varandas, Sporting, Benfica, Exclusivo Leonino

Jorge Fonseca, judoca do Sporting ex bicampeão mundial, conquistou o primeiro lugar na categoria -100 kg do Grand Slam de Antalya, na Turquia. O último dia da prova internacional foi o passado domingo, e Portugal conseguiu mais dois pódios – bronze de João Fernando, também atleta dos leões, nos -81 kg, para alegria de Frederico Varandas.

Jorge Fonseca venceu todos os combates que disputou no Antalya Sports Hall no caminho percorrido até à final, mas o último confronto foi indiscutivelmente o mais fácil. O português de 31 anos só teve de pisar o tatami para sair campeão, uma vez que Shady El Nahas, o canadiano que deveria ser seu adversário, não compareceu devido a lesão. Assim, Fonseca – 15º no ranking mundial – derrota El Nahas – 6º – por ippon, no quinto combate disputado entre os judocas.

Depois de meio ano em recuperação de lesões, o atleta do Sporting leva o segundo pódio no período de um mês, ao ganhar novamente o ouro na Turquia, dois anos depois, sendo que tinha sido prata no Grand Slam da Áustria em inícios do passado mês de março. Com a vitória na Turquia, Fonseca garante mais 1000 pontos para os rankings mundial e olímpico, sendo possível que passe agora a integrar o top 10, vindo da 15ª posição.

Quem se destacou também em Antalya foi João Fernando, judoca do Sporting que ocupava o 30º lugar no ranking mundial. O bronze conquistado no passado sábado marcou a terceira medalha do jovem português no Circuito Mundial. Fernando garantiu, com um ippon a 11 segundos do fim, o terceiro lugar frente ao russo David Karapetyan (37º).

O Sporting dominou na Turquia, mas é ainda de destacar a prestação de Taís Pina, do Algés, que levou a prata na categoria dos -70kg. A jovem judoca lusa, de 19 anos, caiu apenas na final contra a austríaca Michaela Polleres, sétima do ranking mundial e vice-campeã olímpica. A atleta fez assim história, ao tornar-se a primeira júnior de sempre na final de um Grand Slam.

Com as conquistas na Turquia, os judocas portugueses do Sporting e a júnior do Algés somam pontos no ranking que permite a apuração para os Jogos de Paris-2024, sendo que faltam apenas quatro provas para fechar a qualificação para os Olímpicos de verão na cidade francesa. Entretanto, ainda há muito pela frente. A próxima competição de judo decorre este mês de abril, entre os dias 6 e 7, no Europeu de Dubrovnik, e em maio, de dia 19 a 23, disputa-se o Mundial de Doha.

Imagem de destaque
  Comentários