ESCÂNDALO: AVANÇADO FORMADO NO SPORTING QUE JOGOU COM TRINCÃO NO WOLVES ACUSA ADEPTOS DO FARENSE DE RACISMO (COM VÍDEO)
Internacional jovem português fez Hélder Malheiro parar o encontro e Liga Portugal já reagiu em comunicado
Redação Leonino
Texto
11 de Fevereiro 2024, 11:17
Trincão - Chiquinho - Wolverhampton, Wolves, Sporting

O Famalicão empatou, 1-1, na deslocação ao terreno do Farense, no passado sábado, dia 10 de fevereiro. A partida ficou marcada por alegados insultos racistas vindos das bancas do Estádio São Luís, denunciados por Chiquinho, avançado formado no Sporting – que jogou com Francisco Trincão no Wolves -, atualmente ao serviço dos minhotos.

O incidente deu-se à passagem do minuto 79, ainda com os famalicenses em vantagem no marcador. O jovem atacante foi bater um canto e acabou a ouvir impropérios vindos da bancada. O futebolista parou o encontro e chamou Hélder Malheiro, árbitro da partida, revelando que lhe tinham chamado “macaco”.

Entretanto, a Liga Portugal já reagiu aos acontecimentos: A Liga Portugal condena de forma veemente todo e qualquer tipo de comportamento que coloque em causa a essência inclusiva e agregadora do Futebol. A Liga Portugal exorta as autoridades competentes a punirem, de forma exemplar, o adepto responsável pela conduta imprópria e prontamente identificado pelas forças de segurança presentes no Estádio São Luís, para que fique claro que no Futebol não há espaço para o racismo!”.

Também o Sindicato dos Jogadores deixou um comunicado, em defesa do fairplay e contra qualquer atitude de teor racista: “O Sindicato dos Jogadores condena os insultos racistas dirigidos ao avançado Chiquinho, do Famalicão, no jogo frente ao Farense, a contar para a 21.ª jornada da Liga Portugal Betclic”, pode ler-se.

“O presidente Joaquim Evangelista manifesta total solidariedade com o jogador português: “As manifestações de racismo em qualquer estádio de futebol são intoleráveis. Quero manifestar total solidariedade com o Chiquinho e tendo o adepto em causa sido identificado pelas autoridades, espero uma ação célere e eficaz dentro de um quadro legal que foi revisto, precisamente, para afastar estas pessoas do futebol e punir eficazmente os seus atos. Tolerância zero! Ao Chiquinho e a todos os que, como ele, têm sido vítimas destes atos, deixo o nosso apoio incondicional”, termina.

O internacional sub-21 por Portugal – que se destacou no Estoril – mudou-se para Inglaterra em 2022, tendo chegado a alinhar com Trincão no plantel britânico. Na temporada passada, o atleta não realizou qualquer jogo, devido a uma lesão grave no ligamento cruzado anterior de um joelho. Apesar de não ter chegado a jogar pela equipa principal do Sporting, o futebolista esteve 10 temporadas em Alvalade – entre 2009 e 2019 – antes de sair em definitivo para os canarinhos.

Confira o momento:

  Comentários