EXCLUSIVO LEONINO - VIRGÍLIO LOPES NÃO ACREDITA NA SAÍDA DE PEÇA FULCRAL DO SPORTING: "NÃO ME PARECE QUE ANDE ATRÁS DE CONTRATOS E DINHEIRO"
Ex-jogador, em entrevista exclusiva ao nosso jornal, debruçou-se sobre eventuais mudanças na equipa verde e branca
Redação Leonino
Texto
11 de Janeiro 2024, 06:00
Estádio José Alvalade, Sporting

Virgílio Lopes, antigo jogador do Sporting nas décadas de 70 e 80, concedeu uma entrevista em exclusivo ao Leonino. Entre vários temas abordados, o diretor da formação dos leões entre 2013 e 2018 falou sobre Rúben Amorim e diz acreditar que o técnico vai continuar em Alvalade.

“Depende das condições que lhe derem, nomeadamente se não saírem jogadores agora em janeiro. Ele pode ficar. Não me parece que ande atrás de contratos e dinheiro, parece-me que ele faz o que faz por gosto e, portanto, tem condições para ficar no Sporting, agora depende das condições de trabalho, plantel e questões financeiras”, disse, colocando o seu olhar na goleada do Sporting frente ao Tondela (4-0).

“O jogo foi demasiado fácil. O Sporting foi sério e tornou o jogo muito acessível, da forma com que estamos a jogar, que é muito bem, temos todas as condições para vencer todas as competições inclusive a Taça de Portugal. Somos claramente a melhor equipa em Portugal neste momento”, referiu.

Em caso de acabar a época com a Taça de Portugal no palmarés pessoal, Rúben Amorim ficará assim com todas as provas nacionais conquistadas ao que Virgílio defende. “Muitas vezes já ganhámos e ficámos porque somos felizes. Pode ser o caso, não é verdade?”.

Ao serviço do Sporting desde março de 2020, Rúben Amorim contabiliza até ao momento, 186 jogos onde já venceu por 129 ocasiões. O treinador colocou os verdes e brancos na rota dos títulos e já arrecadou uma Liga (2020/21), duas Taças da Liga (2020/21 e 2021/22) e uma Supertaça (2021/22).

Imagem de destaque
  Comentários