"FOI UMA BOA DECISÃO, EMBORA TARDIA"
Coordenador do Gabinete Olímpico do Sporting CP analisou o adiamentos dos Jogos Olímpicos
Rodrigo Soares Fernandes
Texto
25 de Março 2020, 14:45
summary_large_image

Paulo Malico de Sousa, coordenador do Gabinete Olímpico do Sporting Clube de Portugal, esteve ontem no ‘Sporting Grande Jornal’ – programa da Sporting TV –, onde comentou o adiamento da competição para data ainda a definir mas que deverá ser apenas no verão de 2021.

“Foi uma boa decisão, embora peque por tardia. O que o COI fez foi adiar o inevitável. Quando, há um mês, protelou a decisão de adiamento ou não dos JO para o final de Maio, achámos excessivamente tardio. Devido às pressões exercidas por vários Comités Olímpicos nacionais no sentido de cancelar, suspender ou adiar a realização do evento, o COI acabou ontem por proferir que tomaria uma decisão nas próximas quatro semanas, adiando o anúncio até ao final de Abril, o que, até pela defesa dos interesses dos próprios atletas, nos pareceu excessivo”, começou por dizer, considerando depois que, além do “risco elevado para a saúde”, existem ainda outras questões a ter em conta, como a qualidade do treino.

“Os atletas não estão a treinar nas melhores condições e em Portugal só ontem é que alguns tiveram a possibilidade de recomeçar o seu processo de treino, e de forma muito condicionada. A competição provavelmente não seria leal nem justa. Apenas pretendemos que o seja e que vença o melhor. Neste momento singular que atravessamos, as condições de treino diferenciadas de atleta para atleta, o estabelecimento de novas rotinas e a paragem de três semanas fazem com que, do ponto de vista físico e psicológico, não estejam reunidas as condições mínimas de participação nos JO”, afirmou.

Paulo Malico de Sousa falou também sobre o que os atletas leoninos estão a sentir.

“Tenho estado em contacto com vários atletas do Gabinete Olímpico do Sporting CP e diria que as opiniões são unânimes (quanto à decisão de adiar). Já se foram consciencializando ao longo destas últimas semanas de que os jogos seriam adiados. Esta inevitabilidade faz com que haja mais algum tempo de preparação. Os atletas já devem estar a experienciar uma sensação de tranquilidade e calma no sentido de preparar a próxima etapa das suas carreiras que será a participação dos Jogos Olímpicos no Verão de 2021. Pelo menos, o COI determinou que seria até ao Verão e supõe-se que seja por volta dessas datas”, disse o líder do Gabinete Olímpico verde e branco.

Fotografia do Sporting CP.

  Comentários