JUSKOWIAK FALA DE JOGADOR AMADO DOS ADEPTOS DO SPORTING E CONFESSA: "O QUE MAIS ME IMPRESSIONA É..."
Antiga lenda dos leões expressou admiração pelo craque leonino, que tem vindo a desempenhar um papel crucial esta temporada
Redação Leonino
Texto
14 de Março 2024, 11:23
Andrzej Juskowiak, Sporting

Numa entrevista exclusiva ao jornal A BOLA, Juskowiak, antigo avançado que representou o Sporting entre 1992 e 1995, falou sobre o sueco Viktor Gyokeres. Andrzej explicou por que motivo gostaria de ter jogado com Gyokeres e comparou-o ao polaco Robert Lewandowski.

Sobre Gyo ser uma das melhores aquisições do Sporting, atira: “Sim. E não é só por causa dos golos que marca, tenho clara sensação de que quando ele está em campo os outros jogadores do Sporting jogam melhor, pode-se até comparar com o que sucede quando Cristiano Ronaldo está em campo.”

“A equipa sente-se mais forte por ter um jogador assim, que faz a diferença. Para se ganhar campeonatos é fulcral ter um jogador destes. A Liga portuguesa é forte e as equipas grandes têm de trabalhar muito para ganhar os jogos, já não há nenhuma que dê golos de borla. O que mais me impressiona no Gyokeres é a forma como ele resolve as situações de jogo, tanto com bola, como sem bola, faz mais do que se espera dele e quem faz isso é um avançado de nível mundial.”, continua Juskowiak:

“Há avançados que têm períodos em alta, a marcar dois/três meses, mas o Gyokeres mantém este nível desde que chegou, é impressionante, é muita qualidade. É um ponta de lança completo, sabe driblar, o que com a altura dele não é fácil. Há uns anos falava-se que os avançados deviam ser mais pequenos para serem mais rápidos, Gyokeres contraria essa teoria.”, atira.

“É muito difícil de lhe apontar algo. Diria que, se o Gyokeres estivesse a jogar numa grande equipa da Europa, teria de jogar mais na posse da bola. Mas, sinceramente, este Gyokeres está apto para jogar em qualquer equipa. É um jogador que se cuida, li numa recente entrevista, que é muito focado na alimentação, no sono e no treino. Este foco é muito importante. Basta ver a condição física dele, quando vejo os jogos na televisão e aproximam as caras  dos jogadores, estão todos com semblante de cansaço, menos o Gyokeres.”, prosseguiu:

“Nesse aspecto comparo-o ao Lewandowski que quando aqui [Lech Poznan] estava podia jogar de dois em dois dias que tinha corpo com capacidade de recuperação rápida, ao contrário da maioria dos outros jogadores. Voltando ao Gyokeres, se do Sporting pedissem ao ChatGPT para criar um avançado perfeito a resposta seria ‘não precisam, vocês já têm o Gyokeres’”, concluiu.

 

Imagem de destaque
  Comentários