LUÍS FILIPE VIEIRA ATIRA-SE A AMORIM E FAZ REVELAÇÃO SOBRE TREINADOR DO SPORTING: "PORTOU-SE MAL"
Antigo presidente do Benfica abordou trabalho do técnico no Clube de Alvalade
Redação Leonino
Texto
30 de Maio 2024, 08:04
Rúben Amorim, Sporting, Luís Filipe Vieira, Benfica

Luís Filipe Vieira considera que Rúben Amorim não agiu da melhor forma aquando da sua saída do Benfica para rumar ao Braga. Em declarações à CNN Portugal, o antigo presidente das águias deixou, porém, rasgados elogios ao trabalho do técnico ao comando do Sporting.

“Portou-se mal comigo. Não levei a mal. Ele não falou comigo, porque entendi que não devia passar por cima de outras pessoas, que estavam à frente da formação do Benfica. Sempre lhe disse para vir ter comigo ao Seixal quando acabasse a reunião”, atirou Luís Filipe Vieira sobre Rúben Amorim.

“A reunião não correu da feição dele e eu perguntei a alguém por ele. Só ao fim da tarde liguei para ele, ele explicou porquê e disse que tinha assinado pelo Braga. Se tem falado comigo, não saía do Benfica ou do Seixal”, afirmou o antigo presidente do clube da Luz.

“Se o Rúben Amorim ficar, não tenho dúvidas nenhumas de que o Sporting terá a hegemonia do futebol português nos próximos anos. O trabalho de Rúben Amorim e de Hugo Viana é notório. Quando foi campeão em 2021, dei-lhe um abraço de despedida e disse-lhe ‘ainda vem para o Benfica novamente, deixa estar’. E ele riu-se”, defendeu Luís Filipe Vieira.

“Ver uma palestra do Rúben Amorim a imitar o Jorge Jesus é delicioso. Uma vez o Jesus disse-me ‘este gajo de certeza que um dia vai ser um grande treinador'”, finalizou o antigo líder do eterno rival do Sporting, numa reportagem sobre o técnico verde e branco.

Rúben Amorim tem contrato com o Sporting até junho de 2026 e uma cláusula de rescisão de 20 milhões para emblemas estrangeiros e 30 para clubes nacionais.

  Comentários