NUNO DIAS: "FOI UMA TEMPORADA BRILHANTE" (VÍDEO)
No rescaldo da conquista do título, técnico de futsal do Sporting lembrou que a equipa iniciou a temporada com três reforços: “Mamadú, Zicky e Paçó”
Duarte Pereira da Silva
Texto
14 de Junho 2021, 10:13
summary_large_image

O futsal do Sporting sagrou-se, no passado domingo, 13 de junho, Campeão Nacional pela 16.ª vez na sua história (VEJA AQUI OS GOLOS). No rescaldo da conquista do título, Nuno Dias destacou a brilhante temporada dos seus comandados e lembrou que a equipa iniciou a temporada com três reforços: “Mamadú, Zicky e Paçó”.

“Temporada notável e brilhante”

  • “Foi uma temporada notável e brilhante. Contando com algumas mexidas importantes que o plantel teve, iniciámos a época com três reforços: Mamadú Ture, Zicky Té, ainda sub-20, e Tomás Paçó. Foi uma época difícil, que começou com muitas dificuldades, incluindo a pandemia, mas até nisso somos uma equipa extraordinária. Não houve sequer um caso de COVID-19 na equipa, os jogadores portaram-se de forma extraordinária”.

“Como se não bastasse, perdemos o Cardinal, que era o melhor marcador da Liga Placard”

  • “Começámos com alguns bons resultados e terminámos 2020 a vencer a Taça de Portugal. Depois conseguimos o apuramento para a final-eight com grande categoria, vencemos a Taça da Liga com um categórico 6-2 e, pelo meio, como se não bastasse, perdemos o Cardinal, que era o melhor marcador da Liga Placard. No entanto, conseguimos colmatar essa ausência ao resgatar o Hugo Neves, mais um jovem da formação. Depois ganhámos a UEFA Futsal Champions de forma categórica e terminámos a fase regular na liderança com o melhor registo de golos marcados e sofridos”.

“Só tenho de estar orgulhoso”

  • “Só perdemos no prolongamento, aqui na Luz, depois de empatar 5-5 no tempo regulamentar. Terminámos esta campanha com um 2-6, o que é extraordinário. Só tenho de estar orgulhoso, foi uma época brilhante e é um orgulho enorme fazer parte deste grupo e ter ajudado estes jovens a evoluírem. Eles cresceram e tornaram-se melhores jogadores, mas se forem humildes vão ser muito melhores do que são atualmente. Temos muito trabalho pela frente”.

“Tenho uma equipa técnica extraordinária”

  • “Tenho uma equipa técnica extraordinária. O Paulo Luís, o Raúl Oliveira, o Luís Ribeiro e o Filipe Rodrigues fazem um trabalho incansável para que os atletas se apresentem nas melhores condições. Se vocês soubessem o sacrifício que o Erick, o Zicky, o Merlim, o Taynan e o Rocha fizeram para jogar hoje. Estavam todos limitados, mas não parece pela forma como jogaram. O Carlos Alves, técnico de equipamentos, não nos falta com nada e o José Almeida, diretor da secção, fez um excelente trabalho também. Foi uma época brilhante”.

Fotografia de Sporting

  Comentários