AMOROSO! PEDRO GRANGER, CONHECIDO ADEPTO DO SPORTING, DEIXA MENSAGEM DE PARABÉNS A PESSOA ESPECIAL: "UMA DAS..."
Popular ator de televisão portuguesa fez, esta terça-feira, 6 de fevereiro, texto onde 'homenageou' ser com quem tem ligação
Redação Leonino
Texto
6 de Fevereiro 2024, 16:02
Pedro Granger

Pedro Granger, conhecido adepto do Sporting, fez, esta terça-feira, 6 de fevereiro, uma publicação na rede social Instagram, onde felicitou Helena Isabel, atriz portuguesa, pelo seu 72.º aniversário. O momento foi assinalado com uma fotografia e com um texto a acompanhá-la.

“E hoje faz anos uma das pessoas com o coração mais bonito que tive oportunidade de conhecer neste mundo das ‘artistices’. Conhecemo-nos nos princípios dos 2000’s, tratamo-nos carinhosamente por Menina Helena e por Menino Granger, já fomos mãe e filho em ‘Fascínios’, e , acima de tudo, vivemos uma amizade daquelas como há poucas”, começou por dizer.

E prosseguiu: “Muitos parabéns, minha querida Menina Helena. Que bom deixares-me fazer parte do teu caminho e continuares sempre presente no meu. Parabéns, e, porque connosco nos fins das nossas conversas nunca há lugar para o adeus… até já”.

Pedro Granger é um dos atores mais carismáticos da televisão portuguesa e são muitas as aventuras que já vivenciou dentro do ecrã. Recentemente, Vera Kolodzig, colega com quem contracenou revelou um episódio conturbado que viveu junto do fervoroso fã do Clube de Alvalade. “A primeira vez que me convidaram para apresentar foram umas pequenas intervenções numa gala da TVI ao lado do Pedro Granger. Eu estava nervosíssima, era a primeira vez que ia estar em cima de um palco sem máscaras, confiando apenas na minha presença e carisma pessoal, no qual eu não acreditava minimamente”.

Fui ao ensaio no dia anterior para ensaiar cada passinho (ainda por cima ia estar de saltos e com um vestido chique, nos quais eu também não me sentia muito confortável) e para perceber como se lia um teleponto. O Pedro Granger não apareceu no ensaio e no dia do direto improvisou um pouco porque já tinha bastante à vontade com a situação”, continua a lembrar.

Vera Kolodzig não esquece: “Fiquei furiosa. Ele obviamente não fez por mal, apenas deu o seu melhor em algo que já fazia tão bem, mas eu, do fundo da minha insegurança, queria responsabilizar alguém pela minha falta de competência. Entretanto já assumi a minha responsabilidade e perdoei o meu ‘eterno namorado da ficção’”, assume.

  Comentários