COMUNICAÇÃO DO SPORTING ‘TRUNCA’ ASSISTÊNCIAS EM ALVALADE: ADEPTOS NO ESTÁDIO CAEM A PIQUE COM VARANDAS – EXCLUSIVO LEONINO
Números apresentados pelos leões não batem com os factos. Adeptos desconfiaram dos valores divulgados pelo Clube de Alvalade… e com razão
Redação Leonino
Texto
15 de Março 2023, 08:51

O Sporting divulgou na passada segunda-feira, dia 13 março, o número médio de espetadores em Alvalade nas últimas temporadas. Contudo, os valores geraram indignação a muitos Sportinguistas por considerarem que a contagem tinha sido inflacionada.

Esta semana, Miguel Braga, diretor de comunicação dos leões, referiu, no programa Raio-X, da Sporting TV, que “relativamente às assistências médias por jogo, estamos na segunda melhor época dos últimos anos (…) o que prova que a grande maioria dos nossos Sócios e adeptos estão com a equipa”. Mas será mesmo assim?

O Leonino decidiu colocar tudo em pratos limpos e recorreu aos números oficias da Liga relativamente às assistências em Alvalade, desde a temporada 2015/16 até à presente época para perceber quem tinha razão. A contagem feita por parte da Direção do Sporting não bate certo com a realidade. Vamos aos números:

Imagem de destaque
Dados apresentados pelo Sporting

 

2015/16:

Números Sporting: 29,6 mil espetadores em média

Números reais: 36,9 mil espetadores em média

Na primeira época de análise, o Sporting revela que teve, em média, 29,6 mil espetadores em Alvalade em todas as competições. Ora, segundo contas feitas pelo nosso jornal, o Clube de Alvalade teve, em média, 36,9 mil espetadores, ou seja, os leões ‘subtraíram’ mais de sete mil espetadores, em média, do que aqueles que se deslocaram efetivamente ao reduto leonino.

Jogo com maior assistência: 49,7 mil espetadores: Sporting 0-1 Benfica (Kostas Mitroglou 20’) – Jornada 25 da Liga portuguesa

Jogo com pior assistência: 20,6 mil espetadores: Sporting 5-1 Skenderbeu (Alberto Aquilani 38’ (g.p.), Fredy Montero 41’ (g.p.), Matheus Pereira 64’ e 77’, Tobias Figueiredo 69’; Bajram Jashanica 89’) – Jornada 3 da Liga Europa

2016/17:

Números Sporting: 28,9 mil espetadores em média

Números reais: 39,7 mil espetadores em média

Na temporada seguinte, os leões anunciam ter registado uma média de 28,9 mil espetadores no reduto verde e branco, o que, mais uma vez, não bate certo com os factos. 39,7 mil seria o número exato. Foram retirados quase 11 mil Sportinguistas, em média, da equação.

Jogo com maior assistência: 50 mil espetadores: Sporting 1-2 Real Madrid (Adrien Silva 80’ (g.p.); Raphaël Varane 29’ e Karim Benzema 87’) – Jornada 5 da Liga dos Campeões

Jogo com pior assistência: 10,7 mil espetadores: Sporting 1-0 Arouca (Alan Ruiz 44’) – Jornada 1 da Taça da Liga

2017/18:

Números Sporting: 28,4 mil espetadores em média

Números reais: 40,3 mil espetadores em média

O cenário repete-se: O Sporting volta a dizer que apresentou uma média de 28,4 mil espetadores por jogo, em Alvalade. No entanto, o número real seriam 40,3 mil Sócios e adeptos em todas as competições. Quase 12 mil adeptos, em média, foram ‘retirados’ das contas.

Jogo com maior assistência: 49,3 mil espetadores: Sporting 0-0 Benfica – Jornada 33 da Liga portuguesa

Jogo com pior assistência: 8,7 mil espetadores: Sporting 6-0 União da Madeira (Seydou Doumbia 20’ e 61’, Jérémy Mathieu 51’, Gelson Martins 67’, Sebastián Coates 79’ e Iuri Medeiros 81’) – Jornada 2 da Taça da Liga

2018/19:

Números Sporting: 30,8 mil espetadores em média

Números reais: 31,9 mil espetadores em média

O Sporting apresentou, segundo os próprios, 30,8 mil espetadores por jogo. No entanto, a contagem real regista valores superiores face aos valores que os leões divulgaram. O Clube de Alvalade somou, sim, 31,9 mil espetadores em média, ou seja, mais 1.100 do que aqueles que foram contabilizados.

Jogo com maior assistência: 45,5 mil espetadores: Sporting 2-4 Benfica (Bruno Fernandes 43’ e Bas Dost 89’ (g.p); Haris Seferović 11’, João Félix 36’, Rúben Dias 47’ e Pizzi 73’ (g.p.)) – Jornada 20 da Liga portuguesa

Jogo com pior assistência: 10,9 mil espetadores: Sporting 1-2 Estoril (Wendel 9’; Sandro Lima 71’ e André Pinto 82’ (p.b.)) – Jornada 2 da Taça da Liga

2019/20:

Números Sporting: 29,1 mil espetadores em média

Números reais: 28,9 mil espetadores em média

O Sporting revela que Alvalade recebeu, em média, 29,1 mil espetadores durante toda a temporada. Ora, a contagem real somou ‘apenas’ 28,9 mil, ou seja, menos 1,2 mil de média do que aqueles que foram anunciados pelo Clube verde e branco.

Jogo com maior assistência: 41,2 mil espetadores: Sporting 1-2 Porto (Marcos Acuña 44’; Moussa Marega 6’ e Tiquinho Soares 73’) – Jornada 15 da Liga portuguesa

Jogo com pior assistência: 12,7 mil espetadores: Sporting 1-2 Rio Ave (Bruno Fernandes 35’; Ronan David 32’ e Lucas Piazón 83’) – Jornada 1 da Taça da Liga

2020/21: Foi o ano em que surgiu a pandemia de COVID-19, que impediu os recintos desportivos de terem público, pelo que não foram contabilizados os dados.

2021/22:

Números Sporting: 27,2 mil espetadores em média

Números reais: 29,8 mil espetadores em média

De novo, os leões mostram terem alcançado uma média de 27,2 mil espetadores no reino do Leão, mas, segundo os dados oficiais, os números são ligeiramente superiores: 29,8 mil.

Jogo com maior assistência: 48,1 mil espetadores: Sporting 0-5 Manchester City (Riyad Mahrez 9’, Bernardo Silva 17’ 44’, Phil Foden 32’ e Raheem Sterling 58’) – Oitavos de final da Liga dos Campeões

Jogo com pior assistência: 9,8 mil espetadores: Sporting 2-1 Varzim (Pedro Gonçalves 68’ e 88’ (g.p.); Heliardo 77’ (g.p.)) – Quarta eliminatória da Taça de Portugal

2022/23:

Números Sporting: 29,7 mil espetadores em média

Números reais: 29,5 mil espetadores em média

Na atual temporada, os leões revelam que Alvalade recebeu, até agora, 29,7 mil espetadores em média. Segundo o Leonino apurou, os valores são próximos (29,5 mil) do real.

Jogo com maior assistência até ao momento: 41,8 mil espetadores: Sporting 1-2 Eintracht Frankfurt (Arthur Gomes 39’; Daichi Kamada 62’ (g.p.) e Randal Kolo Muani 73’) – Jornada 6 da Liga dos Campeões

Jogo com pior assistência até agora: 17 mil espetadores: Sporting 6-0 Farense (Paulinho 20’ e 22’, Marcus Edwards 39’, Pedro Gonçalves 48’, Arthur Gomes 75’ e Mateus Fernandes 84’ (g.p.) – Jornada 1 da Taça da Liga

Ranking melhores assistências em Alvalade dos últimos sete anos:

1.º lugar: 2017/18: Média de 40,3 mil espetadores

2.º lugar: 2016/17: Média de 39,7 mil espetadores

3.º lugar: 2015/16: Média de 36,9 mil espetadores

4.º lugar: 2018/19: Média de 31,8 mil espetadores

5.ª lugar: 2021/22: Média de 29,8 mil espetadores

6.º lugar: 2022/23: Média de 29,5 mil espetadores

7.º lugar: 2019/20: Média de 28,9 mil espetadores

Contas feitas, ao contrário daquilo que foi comunicado pelo Sporting, não só não houve nenhum aumento significativo de pessoas a deslocar-se a Alvalade em dias de jogo, como aconteceu precisamente o contrário. A média de assistências no reino do Leão piorou nos últimos anos.

Analisando as últimas épocas, percebemos que, das sete em discussão, as três com maior afluência de Sócios e adeptos ao reduto verde e branco foram de 2015 a 2018.

Quando Miguel Braga afirma que o Sporting está “na segunda melhor época dos últimos anos” relativamente à “média de assistências em Alvalade”, tal não corresponde à verdade, sendo, para já, a segunda pior das últimas sete temporadas.

Recordando ainda a tabela, mesmo em termos absolutos, somando as três últimas épocas de Bruno de Carvalho enquanto dirigente máximo dos leões, Alvalade recebeu quase 3 milhões de adeptos (2.886.248), enquanto que durante o reinado de Frederico Varandas – que já leva quase quatro temporadas completas, excluindo 2019/20 – houve menos de 2,5 milhões de aficionados a verem jogos do Sporting na casa do Leão (2.416.070).

  Comentários