EMPRESA DE GRANERO DIZ QUE TRINCÃO E GYOKERES SÃO ÚNICOS JOGADORES DO SPORTING NO 11 IDEAL DA LIGA
Olocip apresentou futebolistas que estiveram em destaque na presente edição do Campeonato conquistado pelos verdes e brancos
Redação Leonino
Texto
22 de Maio 2024, 18:27
Esteban Granero, Francisco Trincão, Viktor Gyokeres, Sporting

Francisco Trincão e Viktor Gyokeres foram os únicos jogadores do Sporting eleitos para o melhor onze da Liga Portugal Betclic de 2023/24 para a Olocip. A empresa de Inteligência Artifical, criada por Esteban Granero, ex-futebolista escolheu os atletas que mais se destacaram na presente edição da competição.

A IA teve por base um algoritmo que combina cerca de 65 variáveis ofensivas, defensivas e de construção de jogo. Desta forma, na baliza alinha Ricardo Velho (Farense), na defesa joga a lateral-esquerdo Wendell (Porto), a lateral-direito Rodrigo Gomes (emprestado pelo Braga ao Estoril) e o centro da defesa fica a cargo de Zolotic (Casa Pia) e Gabriel Pereira (Gil Vicente). Neste último parâmetro é de destacar que nenhum dos capitães dos três grandes – Coates, Otamendi e Pepe – foram selecionados.

Já o meio-campo é composto por Zalazar (Braga), Di María (Benfica), Trincão (Sporting) e Rafa (Benfica). O ataque é composto por dois nomes, a saber, Mujica (Arouca) e Gyokeres (Sporting).  Desta forma, o Sporting e o Benfica dominam o ranking, com dois jogadores cada.

Ao todo, desde que chegou ao Sporting, oriundo do Barcelona, Francisco Trincão – avaliado em 14 milhões de euros – leva 99 jogos disputados, ao longo dos quais apontou um total de 23 golos e 13 assistências. O internacional português custou aos cofres verdes e brancos qualquer coisa como 10 milhões de euros por 50% dos direitos económicos.

No caso de Viktor Gyokeres –avaliado em 55 milhões de euros – leva, na soma de todas as provas, 49 encontros realizados (4.047 minutos), 43 golos e 14 assistências, sendo uma das grandes figuras da turma de Rúben Amorim e tendo tido grande influência na conquista do título.

Confira aqui os melhores momentos da grande temporada de Francisco Trincão:

  Comentários