"GYOKERES MARCAVA MAIS GOLOS DO QUE EU": EX SPORTING QUE ARRASOU BENFICA MOTIVA CRAQUE DE AMORIM
Exibições do sueco não passam despercebidas e ninguém fica indiferente ao rendimento do craque
Redação Leonino
Texto
29 de Fevereiro 2024, 13:20
Viktor Gyokeres, Rúben Amorim, Sporting

Derlei é admirador Viktor Gyokeres. O antigo avançado do Sporting, numa antevisão ao dérbi com o Benfica – equipa que também representou e arrasou em 2007/08, na Taça de Portugal – o ex-futebolista garante que, pela mão de Rúben Amorim, o sueco era quem marcava mais golos, numa disputa entre os dois.

“O Benfica voltou a jogar não igual ao que jogava na época passada, mas a um nível a que acostumou os adeptos, e o Sporting da mesma forma. Amorim, ao fim destes anos todos, tem esta base de jogadores que vem jogando sempre, e com a entrada de um ou outro jogador melhorou e esta época acredito que Sporting tem mostrado um futebol até melhor que o do Benfica, mas num dérbi tudo pode acontecer”, começa por dizer, ao jornal A Bola.

Sobre quem marcava mais, Derlei não tem dúvidas: “Com certeza o Gyokeres! Para começar nunca fui bem um avançado centro, joguei nessa posição muitas vezes, mas não era a minha posição. Ele é um jogador bem completo, consegue fazer movimentos fora da área, é muito forte e potente fisicamente”, admite.

“Encaixou perfeitamente na forma de jogar do Rúben Amorim, e então, com certeza ele marcaria muito mais golos, e tem feito isso, o que é bom para o Sporting. Está de parabéns pela época fantástica que está a fazer”, explica, deixando grandes elogios ao sueco.

Viktor Gyokeres, recorde-se, chegou ao Sporting no início da presente temporada, oriundo do Coventry City, a troco de 20 milhões de euros, mais 4 por objetivos, sendo que os ingleses ficaram, ainda, com 15% de uma futura mais-valia (os leões podem reduzir esta percentagem para 10%). O avançado assinou contrato com os verdes e brancos até junho de 2028 e ficou com uma cláusula de rescisão na ordem dos 100 milhões de euros.

Até ao momento, o ponta de lança internacional sueco – avaliado em 45 milhões – leva 33 encontros realizados (2.697 minutos): 21 na Liga Portugal Betclic (1.880), sete na Liga Europa (486), três na Taça de Portugal (177) e dois na Taça da Liga (154). Ao todo, o sueco marcou 30 golos e fez 10 assistências, sendo a grande figura da temporada do Clube de Alvalade.

Imagem de destaque
  Comentários