N. DIAS: "FAZEM IDEIA DO FEITO QUE O SPORTING ALCANÇOU?" (VÍDEO)
No rescaldo da conquista da UEFA Futsal Champions League, treinador dos leões afirmou não ter palavras para o desempenho dos seus jogadores
Duarte Pereira da Silva
Texto
4 de Maio 2021, 10:34
summary_large_image

O futsal do Sporting conseguiu, na passada segunda-feira, 3 de maio, fazer ainda mais história. Após a conquista, em 2018/19, da primeira UEFA Futsal Champions League, os leões repetiram o feito e levantaram de novo o troféu, ao bater, na final, o Barcelona por 4-3 (VEJA AQUI OS GOLOS).

No rescaldo do triunfo, Nuno Dias salientou a dimensão do feito alcançado pela sua equipa, dedicou o troféu aos treinadores da formação verde e branca e garantiu que, apesar da distância, a equipa sentiu sempre o apoio dos Sportinguistas.

“Nunca tivemos nada assim”

  • “O sentimento é de um orgulho enorme. Este grupo que veio à Croácia é a definição de equipa. Nunca tivemos nada assim. Fazem ideia do feito que o Sporting alcançou? Em cinco dias e três jogos venceram o campeão russo, o campeão espanhol e o campeão europeu. Não consigo ter grandes adjetivos para a prestação e para estes jogadores”.
  • “Dedico este troféu a todos os treinadores da formação do Sporting que tiveram responsabilidade no crescimento de alguns destes jogadores”.

Palestra ao intervalo: “Senti que a equipa estava demasiado ansiosa”

  • “Senti que a equipa estava demasiado ansiosa e emocional e isso toldou-nos o raciocínio. Na segunda parte corrigimos isso, não tivemos medo de jogar e de assumir o jogo. Acima de tudo foi acreditar e ter confiança na nossa qualidade”.

Reviravolta: “Fomos brilhantes”

  • “A estatística dizia que nesta final-eight as equipas que começavam a vencer ganhavam os jogos e hoje quebrámos essa estatística. Os jogadores foram brilhantes”.

Preparação da final-eight: “Confesso que aquilo que trabalhámos foi para o primeiro jogo”

  • “Confesso que aquilo que trabalhámos foi para o primeiro jogo, durante cerca de semana e meia. Dedicámos muito tempo à análise, mas daí para frente não sabíamos quem seria o adversário. Depois, para o Inter e o Barcelona tivemos apenas uma unidade de treino para alguns ajustes, bolas paradas e 5×4”.

Apoio dos Sportinguistas: “Sentimos que havia uma conexão muito grande com os adeptos”

  • “Recebemos muitas mensagens e havia uma ligação e um reconhecimento muito grandes sobre aquilo que estávamos a fazer. Sentimos que havia uma conexão muito grande com os adeptos”.

Fotografia de Sporting

  Comentários