GLÓRIA DO SPORTING RECONHECIDA COM MAIS UM TÍTULO: “ESTE É ESPECIAL”
Antigo atleta do Clube de Alvalade distinguido pela Associação dos Jornalistas de Desporto (CNID)
Redação Leonino
Texto
21 de Maio 2024, 10:44
Sporting, Portimonense, Adeptos

A Associação dos Jornalistas de Desporto (CNID) distinguiu, na passada segunda-feira, dia 20 de maio, atletas, treinadores e jornalistas desportivos, numa cerimónia em que Carlos Lopes, antigo atleta do Sporting, que venceu a maratona dos Jogos de Los Angeles há 40 anos, foi considerado mérito internacional.

“Recebi muitos prémios e fui atleta do ano pela CNID, mas este é especial, pela sua dimensão e pelo que representa, ao fim de 40 anos, e que faz parte da minha memória e que deu outra dimensão e valor ao desporto português”, comentou o atleta viseense, que recebeu a medalha de ouro na maratona dos Jogos Olímpicos em 1984.

“Quem é que alguma vez tinha visto a bandeira portuguesa nos Jogos Olímpicos? Isso marcou o desporto, a vontade, a consciência e fez com que todos acreditassem que é possível chegar onde eu cheguei”, sublinhou o ex-atleta do Sporting. Carlos Lopes desafiou ainda os responsáveis desportivos e das cidades a “abrirem os espaços existentes, os poucos que há, para que os jovens se sintam livres e possam fazer o que gostam, devidamente encaminhados”, disse.

De recordar ainda que Carlos Lopes foi dez vezes Campeão Nacional de Corta-Mato, ajudou os verdes e brancos a conquistarem sete Taças dos Campeões Europeus e ainda foi três vezes Campeão Mundial de Corta-Mato e duas vezes vice-Campeão, entre outros tantos títulos.

Foi no ano de 1986 que acabou uma ligação de quase 20 anos com o emblema verde e branco enquanto atleta, embora seja reconhecido como um dos grandes símbolos do Clube de Alvalade. Carlos Lopes é uma das maiores figuras de sempre do Sporting, do desporto nacional e do atletismo mundial.

  Comentários