OFICIAL: NOVO TREINADOR DE DIEGO CALLAI É IRMÃO DE UM EX MÉDIO DO SPORTING
Ricardo Sousa saiu do comando técnico do Feirense e para o seu lugar entrou um familiar de um antigo jogador dos leões
Redação Leonino
Texto
3 de Abril 2024, 17:53
Diego Callai, Sporting

É oficial: Lito Vidigal é o novo treinador do Feirense. O técnico angolano, que é irmão de Luís Vidigal (ex-médio do Sporting), assume o comando técnico emblema de Santa Maria – após a saída de Ricardo Sousa – e vai orientar Diego Callai, guarda-redes emprestado pelos leões.

A substituição foi anunciada em comunicado: “O CD Feirense – Futebol, SAD deseja as maiores felicidades profissionais e pessoais a Ricardo Sousa bem como a todos os elementos da equipa técnica que com ele trabalharam no nosso clube.Queremos salientar e agradecer todo o profissionalismo e dedicação demonstrada por Ricardo Sousa ao longo do seu período ao leme da nossa equipa”, pode ler-se.

Numa outra nota, a turma que milita na segunda divisão fez ainda uma breve apresentação ao novo líder dos fogaceiros: “Com 54 anos, Lito Vidigal conta com perto de 200 jogos na 1. Liga, tendo passado por clubes como Os Belenenses, Boavista ou Arouca. O treinador já trabalhou em Israel, Chipre e Líbia e foi, ainda, Selecionador Nacional de Angola, tendo disputado a Taça das Nações Africanas, em 2021”, adiantaram.

A troca de treinador poderá abrir uma janela de oportunidades para Diego Callai, guarda-redes dos leões que se encontra a cumprir empréstimo em Santa Maria da Feira. O camisola 1 perdeu o seu espaço e é atualmente terceira opção entre os nortenhos, mas a situação poderá mudar.

O Feirense recorde-se, encontra-se no 15.º posto da Liga Portugal SABSEG com 25 pontos conquistados em 27 partidas. Defrontam este sábado, 6 de abril, o Tondela, em partida relativa à 28.ª ronda da competição anteriormente referida. Na primeira volta, os beirões derrotaram os fogaceiros por 2-0.

Já Luís Vidigal realizou 139 jogos pelo Clube de Alvalade entre as temporadas de 1995 e 2000, tendo marcado nove golos. O internacional português em 15 ocasiões venceu um Campeonato Nacional (1999/2000) e uma Supertaça (1995).

  Comentários