"PODÍAMOS TER PRODUZIDO MAIS"
Técnica leonina reagiu ao empate a dois diante do FC Famalicão
Tiago Jesus
Texto
17 de Janeiro 2021, 09:47
summary_large_image

As leoas do futebol feminino, no passado sábado, 16 de janeiro, empataram a duas bolas frente ao FC Famalicão. No rescaldo do encontro, Susana Cova, treinadora leonina, elogiou o conjunto adversário, considerando os famalicenses uma formação muito exigente.

“Foi um jogo pautado pela intensidade, combatividade e agressividade. Foi para isso que nos preparamos, mas realmente as jogadoras ainda não o tinham sentido, por isso foi bom ter este desafio logo na primeira jornada”, começou por dizer.

A técnica verde e branca considerou que faltou concentração nas suas comandadas, após expulsão na equipa adversária: “Sinto que podíamos ter produzido mais. Na primeira parte demorámos a perceber a agressividade que devíamos ter posto em campo e a ser mais céleres nas nossas ações. Depois, no segundo tempo gostei de ver a equipa a procurar outras situações com mais confiança e tranquilidade no processo. Depois da expulsão adversária, chegávamos ao último terço, mas faltou-nos habilidade e dinâmica para criar mais situações de real finalização”, analisou.

“Só fiz o meu trabalho ao marcar”

Nevena Damjanović, capitã do Sporting CP, também falou após o encontro, elogiando o adversário: “Nós gostamos destes jogos difíceis. O adversário foi realmente bom e nós vamos aprender com base no que aconteceu. É uma longa caminhada ainda, mas estou feliz por termos conseguido recuperar do 0-2”, disse.

Autora dos golos leoninos, a sérvia mostrou-se satisfeita por contribuir para a equipa: “O trabalho compensa e eu aproveitei as minhas oportunidades, que, por sua vez, foram criadas pelas minhas colegas. Por isso, eu só fiz o meu trabalho ao marcar. Estou feliz, sobretudo, por ajudar a equipa”, concluiu.

Fotografia de Sporting CP

  Comentários