TÉCNICO QUE ESTEVE TRÊS ÉPOCAS NO SPORTING VAI CONTINUAR LONGE DE PORTUGAL: "VOU OUVIR A PROPOSTA"
Treinador que passou pelo Clube de Alvalade não equaciona voltar ao seu país de origem num futuro próximo
Redação Leonino
Texto
18 de Maio 2024, 15:20
Estádio José Alvalade, Sporting, Guimarães

Após o empate entre Al Nassr e Al Hilal (1-1), Jorge Jesus confessou que o resultado é mais valioso para a sua equipa do que para o adversário, uma vez que “permite manter série invicta”:  O antigo treinador do Sporting já venceu o campeonato e admite continuar no emblema saudita na próxima temporada.

“Esta semana vou ouvir a proposta de renovação que o Al Hilal tem para apresentar. E creio que vamos chegar a um acordo”, assumiu Jorge Jesus, na conferência de imprensa após o empate com o Al Nassr. Sobre um futuro mais próximo, o técnico que já comandou o Sporting lançou: “Faltam três jogos e queremos ganhar os três”.

A equipa visitante tenha estado em desvantagem desde o primeiro minuto de jogo, quando Cristiano Ronaldo somou mais uma assistência à sua conta pessoal e contribuiu para o remate certeiro de Otávio à baliza de Bono. A turma liderada por Jorge Jesus só igualou a partida já aos 90+10’, de grande penalidade, em lance contestado pelo craque português formado no Sporting.

“O resultado satisfaz mais o Al Hilal que o Al Nassr, porque já somos campeões e continuamos sem derrotas, que é outro objetivo”, afirmou Jorge Jesus em declarações à imprensa após o duelo com a turma de Luís Castro. “Em jogos com equipas do mesmo nível, como foi o caso, não há equipas dominadoras durante todo o jogo. O Nassr foi mais dominador na primeira parte e nós fomos mais dominadores na segunda”, opinou.

Jorge Jesus deu ainda mostras do orgulho que nutre pelos atletas do Al Hilal. “Estou orgulhoso dos meus jogadores”, começou por dizer o técnico que liderou o Sporting de 2015/16 a 2017/18. “Tem sido uma época fantástica, eles acreditam muito nas minhas ideias e eu acredito muito no talento deles”, rematou.

  Comentários