VIAGEM A LONDRES É ASSUNTO NO SPORTING E AMORIM 'APONTA DEDO' A IMPRENSA: "AS VOSSAS TEORIAS..."
Técnico leonino foi questionado, mais uma vez, sobre os motivos que o levaram a Terras de Sua Majestade
Redação Leonino
Texto
3 de Maio 2024, 14:03
Rúben Amorim, Sporting,

Em antevisão ao duelo entre o Portimonense e o Sporting, esta sexta-feira, Rúben Amorim voltou a ser questionado sobre a sua ida a Londres, em vésperas do confronto com o Porto, com o técnico dos leões a realçar as “teorias criadas” pela comunicação social, aproveitando a oportunidade para colocar em cima da mesa um exemplo com o técnico do Vitória de Guimarães.

“Já foi tudo falado. Vocês já criaram as vossas teorias. Não tenho problemas nenhuns. Fiquem com essa ideia. O porquê não vou dizer. Disse a quem tinha de dizer, principalmente ao Viana”, voltou a reforçar o treinador do Sporting, Rúben Amorim, relativamente à viagem que fez a Inglaterra, na semana passada.

“Vou seguir em frente. Sei que o Álvaro [Pacheco] teve um problema com um jantar (risos)… Está na moda! Da mesma maneira que vocês falam dos treinadores, falar dos clubes que despedem treinadores e no dia seguinte apresentam outro, mas não tiveram conversas nenhumas com outros treinadores”, atirou Amorim, em conversa com os jornalistas, na antevisão do encontro do Sporting em Alvalade.

“A vida é mesmo assim. Há que aceitar e seguir em frente. A vida é mesmo assim”, rematou o técnico do Sporting, na conferência de antevisão relativamente ao jogo com o Portimonense, que vai acontecer no reduto verde e branco já neste fim de semana e que pode significar a conquista do título nacional, o segundo para Rúben Amorim, desde que assumiu o comando técnico do Clube de Alvalade.

Importa referir que o Sporting mede forças com o Portimonense, este sábado, dia 4 de maio, recebendo a formação algarvia no Estádio José Alvalade.  O encontro é a valer para a jornada 32 da Liga Portugal Betclic, voltando a ser crucial para as contas do Campeonato Nacional com a turma de Amorim a ter hipótese de celebrar a partir do sofá, em casa de uma derrota do Benfica.

  Comentários