SAÍDA DA EUROPA CONTINUA A CUSTAR MILHÕES AOS LEÕES
Ausência do Sporting CP na Liga Europa impede possível receita de bilhética
Tiago Jesus
Texto
18 de Outubro 2020, 17:07
summary_large_image

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou que chegou a acordo com o Ministério da Saúde para a existência de público até 15% nas bancadas. Após a precoce saída da Europa, as possíveis entradas monetárias provenientes da bilhética não irão, assim, acontecer. Seria este mais um valor que podia entrar nos cofres de Alvalade, mas que a curta estadia europeia não permite.

A turma de Alvalade não se apurou para a fase de grupos da Liga Europa, após ter sido derrotada na sua própria casa frente ao LASK Linz (1-4). Essa eliminação já havia custado 6 milhões de euros aos cofres leoninos.

As três equipas portuguesas em prova nas competições europeias vão ter público nas próximas três partidas que vão realizar em casa, relativamente à fase de grupos, que serão o SC Braga – AEK de Atenas e o Benfica – Standard Liège para a Liga Europa e o FC Porto-Olympiacos para a Liga dos Campeões. Nestes jogos a lotação dos estádios da Luz, Dragão e Municipal de Braga deve estar a 15% do total de espectadores.

Fotografia de Sporting CP

  Comentários